Como incrementar o crescimento de uma startup num mundo inflacionado

Uma estratégia de crescimento desadequada pode deitar por terra todo o esforço despendido na fase inicial de lançamento de uma empresa.

Na realidade, uma estratégia de crescimento prematura é apontada como a principal causa de fracasso das startups.

Neste artigo originalmente publicado pela Forbes, são enumeradas 4 formas simples para garantires o crescimento da tua empresa neste mundo cada vez mais inflacionado. Tom Kulzer, CEO e fundador da Aweber e, Anton Mishchenko, cofundador e CEO da YouTeam, facultaram insights valiosos, baseados na sua própria experiência:

1.Utilizar marketing “boca-a-boca”

Para quem pretende avançar com um negócio sem recorrer a investidores, mantendo total controlo da empresa, é fundamental perceber de que forma pode aumentar a base de clientes.

A Weber, a título de exemplo, optou por não investir numa grande campanha de marketing, utilizando o forte poder do marketing direto efetuado por clientes satisfeitos que tendem a trabalhar com uma rede de network diversificada.

A fidelização de clientes satisfeitos e de sucesso continua a ser uma importante fonte de boa publicidade.

2.Agilizar processos

Ter clientes satisfeitos é importante, mas por si só não é suficiente.  É fundamental a criação de uma estrutura adequada que garanta a continuidade do fornecimento de serviços e experiências positivas a cada um dos clientes.

Segundo Mishchenko, “Construir uma startup é como andar numa bicicleta partida, em que temos que pedalar e consertar em simultâneo.(…) Uma vez em movimento, o truque é ter processos simplificados e de alta qualidade para tudo o que a empresa faz ou planeja fazer”.

Os processos utilizados devem ser de fácil compreensão , descrevendo cada etapa a ser executada por forma a que a tarefa seja concluída com êxito.

Garantir a agilização dos processos não só facilitará a adaptação de novos  colaboradores como contribuirá para que cada processo de negócio esteja alinhado com as metas finais da startup.

3.Contratar serviços externos e automatizar

 Não podemos assumir todas as tarefas  mas isso não significa que tenhamos que contratar colaboradores a tempo inteiro para a execução das mesmas.

Por vezes para garantirmos  a conclusão atempada de um determinado projeto ou para colmatar uma necessidade pontual podemos e devemos por exemplo, recorrer a trabalhadores independentes que trabalhem remotamente. Existem neste momento muitas opções disponíveis no mercado e utilizar estes recursos menos dispendiosos libertam-nos para nos dedicarmos a tarefas mais importantes que contribuem diretamente para o crescimento da empresa.

4.Construir a equipa certa

 Torna-se inevitável, com o crescimento da startup, a contratação de novos colaboradores. Este processo em si tem uma margem de erro considerável e chegar à fórmula certa leva o seu tempo.

Compreender se aquela pessoa é o investimento certo para as funções a desempenhar não é uma tarefa simples.

No caso de uma startup é peremtória a contratação de profissionais motivados, inovadores e que tenham entusiasmo em crescer com o negócio. Assumir o erro de uma contratação e ter a capacidade de com rapidez solucionar essa falha é igualmente decisivo.

 

Implementar o crescimento de uma startup representa uma oportunidade mas também uma decisão de risco.

Utiliza as informações indicadas para orientares a tua estratégia e por forma a garantires o alcance de novos clientes e desafios enquanto manténs as finanças da tua startup em dia. 🙂

 

Fonte

Categories: uncategorized

Close

Mais info

Gostarias de ver o nosso espaço antes de te juntares a nós? Vem visitar-nos. Preenche, por favor, o formulário e entraremos em contacto contigo.